quinta-feira, 16 de julho de 2009

Ilusão

Como eu amo fechar os olhos e sonhar com outra vida. Uma vida que não tenho, não é minha.
É tão fácil sonhar. Fácil demais.

Quando volto a abrir os olhos, a névoa do sonho tolda-me por instantes o raciocinio e fico confusa: que vida é?!

Ah ...é a minha!

Sem comentários:

Enviar um comentário

Lovelly, but not for me!

Lovelly, but not for me!