terça-feira, 26 de janeiro de 2010

Este país...é para velhos...

Hora de almoço:

Eu e cinco colegas, decidimos ir comer uma pizza num daqueles sítios aqui no bairro na cave de um centro comercial...ou melhor, um aglomerado decadente de lojas com nome de centro em honra de qualquer animal...

Entramos, vemos cerca de 6 mesas de 4 pessoas (onde cabem6 utilizando as cabeceiras das mesas) e 1 mesa de 2 pessoas (onde comem 4)... e o cenário era...todas as mesas de 4 ocupadas com 1 pessoa e a mesa de livre.

Ninguém, nos veio atender, dirigimo-nos ao balcão. Atrás do mesmo estava uma rapariga...talvez 30 anos...com o ar mais enfezado do mundo, cara oleosa e olhar de poucos amigos...

- Boa tarde, somos 6.

- Não há lugar.

- Nem "arranja" (referindo-se ao facto de ser necessário apenas pedir a umas das pessoas que ocupava uma mesa grande, para transferir para a mesa de 2)?!

- Não! ... ainda vai tudo começar a comer...

Subentenda-se: nem vale a pena esperarem. Eu não sou dona, sou empregada e não tenho vontadinha nenhuma de ter de servir mais 6 almoços...

Recordo que os 6 almoços, representariam no final do dia, o dobro dos almoços servidos....

E é assim que se trabalha em Portugal...é assim que os serviços estão. Repletos de gente que finge trabalhar, que odeia o que faz, que não tem perfil para estar no atendimento e que se está nas tintas e quer é ir para casa com o seu ordenado mínimo nacional...que no meu entender e neste caso especifico é mal empregue!

É conceito generalizado que servir à mesa é uma função "baixa" para a qual não é necessário formação, nem vocação, nem apetência...

Estar no atendimento ao publico requer gosto e aptidão inata. É preciso ser educado, cordial e expedito. Servir pratos aprende-se, atender pessoas é um dom inato...pode ser aprimorado mas ou se tem ou não se tem...

E eu tenho vontade de gritar com estes seres do outro mundo e perguntar, se odeiam o que fazem porque é que não cedem lugar a quem gostaria de ter aquele emprego e não tem!!!

2 comentários:

  1. Fico ROXA qdo me acontecem dessas coisas!!!!!

    Tristeza...

    ResponderEliminar
  2. É verdade ANA, eu também!
    Parece impossivel que haja gente com tão pouco brio profissional e senso comum!

    ResponderEliminar

Lovelly, but not for me!

Lovelly, but not for me!