quinta-feira, 24 de junho de 2010

Simpatia antes dos instintos assassinos

Tenho um problema gravíssimo na vizinhança, que me incomoda diariamente...nunca o abordei até agora, porque apenas hoje decidi tomar uma decisão e escrevi uma carta que colocarei esta noite na respectiva caixa de correio.

Há cerca de 8 meses, chegaram à aldeia, novos vizinhos... tenho que explicar que eu moro no fim do mundo....num daqueles sítios onde deixo a chave na porta para ir despejar o lixo...
Gosto do conforto da "terriola" e do sossego...

Ora estes Srs, chegam, alugam a casa do lado, separada da minha por um muro de metro e meio...ora este casal maravilha, traz, não um, não dois, não três, mas 4 cães dos infernos...aquele tipo de animal pelo qual uma pessoa já nem consegue sentir simpatia nem vontade de passar a mão pelo, a menos que a mão contenha uma estirpe de um vírus mortífero...

Os "cães do demo" como são apelidados, vieram desassossegar todos os outros cães e por vezes temos sinfonias de 7 e de 8....aliás começo a duvidar se não se estarão a organizar  e a planear uma insurreição contra os humanos...com escrita organizada....

Quando os donos não estão em casa, é impossível ter um pensamento sequer sem ser interrompido por um latir ruidoso...

Ora num lugar perdido no tempo, onde nada remotamente interessante acontece desde que a câmara fez o largo do chafariz em 1925....este ruído tem um impacto amplificado.

Hoje decidi tomar uma atitude e escrevi um bilhete aos srs, com um endereço de um site, o preço e a imagem de uma coleira que vibra cada vez que o animal ladrar...até que aprenda que não deve latir senão leva com o incomodo vibratório (não sei a orientação sexual dos cães...espero que nenhum goste da vibração caso contrario perde-se o intuito)...

Espero que sejam sensatos e comprem as putas das coleiras que custam 10€, caso contrario não me responsabilizo se aparecem todos esticadinhos num canto qualquer...

Se há coisa que me enerva são pessoas que não respeitam os direitos dos outros, como a puta da vizinha que fazia obras às 2h da amanha e ainda me dizia que eu não tinha compreensão nenhuma...

Estes srs, querem ter os 4 cães do demos....independentemente de incomodar a vizinhança....e eu quero ter o meu direito ao descanso e à paz...por isso moro num sitio onde os velhos jogam cartas no chafariz, onde não há 1 multibanco e onde a farmácia ainda é o ponto de encontro...

2 comentários:

  1. Se há coisa que não admito é que o meu cão incomode alguém e ladrar nem se fala e ele nem se atreve que já sabe o que a casa gasta. Por isso não me cabe na cabeça como há quem deixe os cães incomodar os outros como se nada fosse...não são bons da cabeça e 4 cães é um abuso, se ainda fossem meigos e educados mas assim...Espero que comprem as coleiras, também existem as de cheiro que são bem eficazes e não os magoam. Enfim boa sorte:) bjos

    ResponderEliminar
  2. Pois é Chokkie...mas isso és tu que és uma moça bem formada!

    Já viste? e se eu quisesse ter uma cão? nem podia! Porque se assim é uma xinfrineira imagian 1 cão separado de 4 por um muro de um mt e meio???
    é igosmo puro....e nem levam os caes a passear!!! E metade do quinta está vedado porque mandaram instalar uma psicina e portanto os caes do demos estão os 4 encafudados em 7 ou 8 mt...o que poderia ser suficiente para 1 mas para 4...nem dá para correr!

    Essa do cheiro é uma boa dica...sabes como é que isso funciona? Eu estou num ponto eu eu compro a merda das coleiras!!

    Vamos ver se hoje não tenho uma surpresa desagradavel na caixa do correio...

    Obrigada pela dica!
    Bjo!!

    ResponderEliminar

Lovelly, but not for me!

Lovelly, but not for me!