quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

Sindroma Briget Jones & analise estatistica

Cair aos 33 anos...não só é incomodo como é simplesmente ridiculo...

Mais um episódio Brigdet Jones... estou bastante combalida...foi uma queda e peras, ou melhor e joelhos... doi...e quer-me parecer que ninguem no ginasio e nas aulas de surf vai acreditar que tenho os joelhos esfolados de cair... a opinião geral é que eu andei em actividade fisicas de natureza ludica envolvendo: a) banco do carro b) carpete ou alcatifa....claro que isso gostava eu...mas não tenho essa sorte...

Decidi que vou começar a tratar estatisticamente as minhas quedas, afinal, já existem episodios suficientes para gerar dados fidedignos com reduzida margem para erro, como por exemplo:

Do universo das 1001 quedas aparatosas:

Quantas foram em cima de saltos de 10 cm? 100%
Quantas foram em locais publicos: 100%
Quantas foram com audencia? 100%
Quantas envolveram lançamento aereo de oculos de sol e/ou graduados e tlm? + 70%
Quantas envolveram quebra do salto: 30%
Quantas envolveram quebra de canela em cima da mesa de café de um cliente: 5%
Quantas envolveram degraus: + 50%
Quantas envolveram perder um sapato em via publica: 20%
Quantas envolveram desconhecidos aproveitar-se para me tocar : 30%
Quantas envolveram desconhecidos a rir desalmadamente sem parar para ajudar: 70%
Quantas envolveram queda- replica (fenomeno raro comprovado unicamente na minha pessoa...engloba cair, levantar e cair exactamente da mesma forma após 2 passos): 20%

Quantas envolveram levar a tampa do motor  do final das escadas rolantes do metro presa no salto: 5%

E eu podia continuar mas nem pretendo denegrir mais a minha imagem nem aborrecer-vos com tanta informação inutil.

Uma coisa é certa e cientificamente comprovada: eu tenho uma apetencia anormal para os acidentes e situações absurdas e embaraçosas no seu geral...

1 comentário:

Lovelly, but not for me!

Lovelly, but not for me!