segunda-feira, 14 de outubro de 2013

The King is dead, long live the King

... Este fim de semana a proposito do circuito mundial de surf, anda ai um burburinho que sinceramente... me deixa triste... Portugal & os portugueses apenas falam do orgulho "Tuga"... que o "nosso" Kikas Morais venceu o "estrangeiro" e 11 vezes campeão do mundo Kelly Slater...

Eu sinceramente fico triste... entristece-me que ninguem compreenda o que está por detrás desta derrota ou desta vitoria dependendo da perspectiva...

Era inevitavel que o Kelly Slater fosse derrubado, afinal, tem 40 anos, 3/4 da vida a surfar e a competir... e concorre com miudos de 18 anos... a lei da vida é cruel... o que me espanta é que ninguem consegue compreender que o Kelly é uma inspiração... inspira todos nós com idade para ter juizo, mas que continuamos, lesão após lesão a  entrar na agua por amor ao mar e a esquecer ou fingir esquecer a idade biologica que temos... o Kelly era o expoente maximo da ideia de que ter 40 anos não quer dizer menos bom, acabado, gasto, sem validade...pelo contrário...o Kelly foi 11 vezes campeão do mundo, reinventou-se ano após ano, trabalhou e foi-se superando a ele e a todos os seus concorrentes... e muitas vezes se reclamou de juizes pouco objectivos e isentos...mas porra  que mal haverá em atribuir 0,25 pontos a mais numa qualquer onda, mais que não seja pelo esforço dedicação e preserverança sem limites!? Isso não vale nada? A força psicologica não faz o atleta?

É um acto estoico competir contra miudos com menos de metade da sua idade, fisicamente e psiquicamente invenciveis, num desporto que sofreu desenvolvimentos tecnicistas consecutivos ao longo dos anos...esquecem-se que a primeira vez que o Kelly foi campeão, o auge da sofisticação era fazer um tudo, hoje o surf é aereo...o surf que o Kelly praticava há 20 anos, hoje está desactualizado, é "old school"... por isso ele não só se reeinventou e se rejuvenesceu como teve de se adaptar a um surf aereo e tecnico e concorrer com prodigios que nasceram com uma prancha nos pés a fazer aereos reverse 360º...

Eu como adepta do desporto, hoje sinto-me triste, não porque um português ganhou, mas porque o rei perdeu...

O Kikas Morais é um grande atleta e uma grande promessa.. existem 3 atletas, neste momento... 3 promessas nacionais a carreiras mundiais de surf e ele é um deles, sim.. mas se sinto orgulho por ele ter ganho ao Kelly... não, nenhum... valida-o enquanto atleta, sim, mas ele já era reconhecido..o que fará ao seu ego vou abster-me de comentar...

O que eu sei é que a chama de que a juventude é eterna se apagou...e isso sim... é para mim mais importante que um surfista portugues ter ganho ao Kelly Slater... hoje caiu um mito... o mito da juventude, da destreza, simbolo da capacidade de reinvenção e adaptação do ser humano...

terça-feira, 8 de outubro de 2013

My mamma always said

...life is like a box of chocolates. You never know what you're gonna get.


E um dia qualquer, uma pessoa sai de casa, ainda escuro para ir surfar, e acaba a passear o cão com um estrangeiro desconhecido, Guincho afora...

E, sem qualquer premeditação ou segundas intenções, foi agradavel. Uma conversa serena... um cão, uma bola e um sol a dealbar atrás da serra...

Sim, há dias verdadeiramente inesperados.

A vida é bonita por momentos destes, perdidos no tempo e sem planos...

De regresso a casa pensava, no carro: quem diria que hoje andaria a passear um cão à beira mar?

E é por isso que já não faço planos...

segunda-feira, 22 de julho de 2013

Acerca das amizades...

Um dia destes notei que uma colega de trabalho (de outro emprego) que se auto intitulava minha amiga porque tomávamos volta e meia café... não me fala...porque.... atenção: mudei de emprego e nunca mais lhe disse nada...eu questiono-me se as pessoas têm noção do ridiculo...

Primeiro não somos nem nunca fomos amigas.... mas mais importante que isto é que eu tenho amigas  de decadas que não vejo há outras tantas decadas e quando nos falamos, tenha passado 1 dia, 1 mes ou 1 ano desde o ultimo sms, telefonema ou encontro... é como se nada se tivesse passado e eu confesso que tneho dificulade em compreender outro formato de amizade que não seja assim.

Eu não devo nada a ninguem, nem sequer à minha familia QUANTO MAIS aos meus amigos...amigos são isso mesmo...amigos, nem mais nem menos... se a amizade requeresse manutenção seria igual a uma relação amorosa, sem a parte do sexo e nesse caso perguntar-me-ia, WHAT THE FUCK IS THE FUN IN THAT?!

Faz-se grande alarido acerca da amizade...amizade é um gostar especial um encontro de afinidades e um prazer de partilhar algo com aquele ser...NADA MAIS, NADA MENOS... não há devereis nem direitos porque não há qualquer tipo de propriedade, territorialidade ou sequer influencia contra vontade e caso haja, não é amizade é algo doentio...o que não me espanta...esta senhra é a mesma que diariamente impoe ultimatos aos seus namorados... as coisas na vida dela têm de ser "bu the book" , só que um livro escrito por ela, nem sequer com co-autoria de quem partilha a vida dela...
Sim, é uma pessoa interessante para tomar um café, mas nada mais.
Pessoas com EGOS maiores que eles proprios não interessam nem ao menino Jesus...quer dizer...a ele taçvez...aquela coisa toda do rebano etc... mas aqui entre nós comuns mortais...COBRANÇAS  são sinonimo de gente pouco evoluida, egoista e com agenda propria, sempre a ver se sacam qualquer coisa do outros...

Os meus amigos, TODOS eles e eu considero pessoas que eu nem nunca vi e vivem do outro lado de um monitor, amigos, são LIVRES, e eu sou livre. Não cobro e ODEIO ser cobrada. não justifico nem suporto justificações. Os meus amigos existem em paralelo com a rotina do dia a dia...quando podemos ve-los e ouvi-los optimos, quando não..optimo na mesma...a vida passa e é demasiado curta para nos preocuparmos em contabilizar contactos e quem ficou de ligar a quem... devemos estar ou entrar em contato com os nossos amigos, quando temos tempo e queremos...  e nem por isso eles ocupam menos espaço no meu coração.

terça-feira, 16 de julho de 2013

O regresso ao passado.... MUTE

Volta e meia... regresso ao passado...

Hoje o meu Mr Big fez anos... não tenho aqui feito updates, mas resumidamente...após o divorcio e pelo bem dos filhos... pois que estão a tentar novamente recomeçar...e ele porque é um Homem admiravel... faz aquilo que se espera dele...assume que é o correcto, até porque o convenceram a ele de que ele tem uma divida muito grande para saldar... ahhhh a culpa catolica... uma mal planetário... portanto é isto....

E há uns dias a esta parte tenho sonhado com ele não sei porquê.... e hoje pela ocasião do seu aniversário e porque habitualmente trocamos algum presente cheio de significado... lembrei-me que deveria ter fotos dele antigas com os amigos...e lá fui eu abrir...a caixa de Pandora...

Não sei se pelo rumo que optei por seguir ultimamente, se por algum outro factor mais cientifico ou de natureza hormonal.... no trilho das fotos, reli todas as cartas...as dezenas de milhar de palavras trocadas aos longos dos anos e das tentativas.... Quando cheguei à ultima carta que me escreveu...foi como se eu tivesse a sentir tudo aquilo que ele sentiu ao escreve-la...a tristeza, o desespero...o amor.... e ainda não contive as lagrimas, já lá vão umas horas....

E a real conclusão a que chego, é que, sempre que alguem está no limbo entre a sanidade e a loucura... o outro entra em cena e resgata-o... ele resgatou-me da minha relação abusiva e violeta há uns 12/13 anos atrás e eu voltei a retribuir o favor há 2 anos, resgatando-o a ele da fase mais negra da sua vida...em que o suicidio era a ideia do dia.... isto tudo porque na verdade, o Amor que vivemos antes das vidas serem complicadas e de haver tanta bagagem, moldou-nos. Moldou-nos um ao outro...somos as pessoas que somos hoje, porque crescemos enquanto estavamos juntos, no inicio da nossa vida adulta...e aqueles primeiros 3 anos antes dos resgates e da loucura da vida baralhar as coisas...foram perfeitos...como ele me escreveu e eu a ele vezes em conta..." somos um do outro porque nascemos um para o outro".... talvez seja isto que chamem amor incondicional... e quem me conhece na vida real nem acredita que estas palavras sejam o resultado intencional... nunca na minha vida adulta alguem me ouvui dizer ou escrever algo tão ingeno ou incredulo...MAS naquele momento da minha história...foi real...talvez o seja até hoje, não estou certa...

E talvez seja por isso que por mais perfeitos que sejam os homens da minha vida, sofrem inevitavelmente todos do mesmo mal...não são o meu Mr Big.... e na verdade já amei outros homens e já fui amada, muito...mas NUNCA admirei ninguem como o admiro a ele, essa é a principal diferença... olho-o, relembro-o e compreendo que há nele algo que não existe em nenhum outro... percebo que existe nele uma honra, uma verdade que não encontrei em mais ninguem... há naquele cerebro e naquele coração uma caracteristica indefinivel extraordinaria, que o torna singular aos meus olhos e inigualavel... e até hoje... é ao lado dele que eu me sinto privilegiada...e ele será sempre o Homem mais integro, nobre, inteligente e inteligivel que conheço. Será sempre o mais admiravel, o mais complexo e o mais carismatico.

E por isto tudo...e por saber que ele está novamente a tentar encontrar uma paz ao seu redor... que eu me remeto ao silencio para não perturbar esse fragil equilibrio ...mas haverá um dia em que ele terá de ser confrontado com a forma como eu o vejo, mais que não seja para saber o seu real valor e não se convencer do "preço" que o resto do mundo e sobretudo ele proprio pensa ter...

Porque acima de tudo desejo-o bem, feliz...mas tambem o conheço bem, muito bem e sei distinguir quando ele É feliz e quando está convencido de que pode estar feliz...

sexta-feira, 28 de junho de 2013

007's procuram-se DESESPERADAMENTE!! Salve-se quem puder!

Alguém me deixou no mural do meu facebook a seguinte frase:

Amar não é fácil e nem difícil, tudo depende da sua disposição de ser, ou fazer uma pessoa feliz.
(Nívea Suellem)


Isto assim escrito, tal e qual decreto lei, está sujeito a varias interpretações, nomeadamente:

a) Amar será mais facil quanto mais feliz nós proprios SOMOS e mais dificil se chamarmos a nós a responsabilidade de fazer outro feliz.
OU
b)Tudo correrá bem se nós formos felizes E quisermos MESMO MUITO fazer outra pessoa feliz.

Ora, eu pessoalmente retiro dali a primeira premissa, porque vindo de quem veio, não espero sequer outra opção.... porque a segunda premissa é o que o resto do mundo faz...e dai a taxa de divorcio real somada à subjectiva - leia-se casamentos que terminaram mas não há separação fisica porque existem filhos e limitações financeiras- e temos.... a soma destas  partes  que equivale a 99% das relações de que tenho conhecimento...eu conheço mesmo MUITA GENTE!

E porquê?!?!?! Porque 99% das pessoas meteram na cabeça a ideia mais sem nexo de todo o sempre:  a de que sem outra pessoa não estão completos nem conseguem (alguns consideram mesmo ser uma impossibilidade cientifica) SER felizes sem a sua "cara metade"...ora este tipo de argumento a mim apenas me causa urticaria cerebral e tem um efeito secundario desagradavel... uma incontrolavel vontade de desatar a acordar esta gente à estalada!

Primeiro... O SER HUMANO, desprovido de género, É, em si, PERFEITO. Perfeito.
Cada um de nós encerra em si um TODO, completo e absoluto e portanto contém tudo aquilo que é necessario para SER FELIZ.

Segundo, esperar que seja uma pessoa exterior a nós a TORNAR-NOS pessoas felizes é a maior irresponsabilidade e loucura de todo o sempre. Primeiro porque ninguem nos conhece nem conhecerá tão bem quanto nós proprios e nem nós por vezes sabemos o que queremos a dada altura e ninguem é telepata e segundo, haverá, com 100% certeza, momentos em que essa entidade exterior não nos poderá acudir na nossa queda da felicidade para a infelicidade e tristeza, até porque não andamos agrafados e selados com super cola 3 uns aos outros.

Eu pessoalmente FUJO a sete pés das pessoas com bocas cujos cantos já apontam naturalmnte para baixo devido a anos e anos de sorrirem ao contrario a lamentar-se da vida e que me dizem: Ah eu podia ESTAR mais feliz se OU MENOS tivesse alguem! Não me sinto completo/a sem namorado/a, marido/a, filhos....
EPAH!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! PANICO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Primeiro eu já aqui dissertei muito acerca da diferença de SER e ESTAR feliz e segundo, se alguem espera que seja EU a reverter decadas de miséria com a minha fabulosa pessoa...lamento! It's not fucking possible. Agradeço o elogio rasgado mas ainda não tenho super-poderes!
NINGUEM PODE TORNAR ALGUEM FELIZ! Nós ou SOMOS, em nós, pessoas felizes ou não somos e se não somos, ficamos sentados à esperaque chegue alguem para nos alegrar a vida e realmente conseguimos transmitir alguma dessa NOSSA FELICIDADE INSTRINSECA e fazer a outra pessoa ESTAR por momentos feliz....

Eu sinceramente acho que esta gente é um perigo porque coloca em mãos alheias a sua propria felicidade desconhecendo que apenas nós SOMOS RESPONSAVEIS POR NÓS PROPRIOS.
Seria como eu chegar ao pé de um individuo e dizer: olha desculpa lá eu tenho 36 anos e sinto-me triste! Acho que para me sentir realizada preciso mesmo é que sejas MEU (este territorialismo possessivo do nosso ego dá outros tantos posts) e que tu te esforces diariamente para me fazer a mim feliz, coisa que em 36 eu não consegui. Pode ser? Aceitas esta tarefa impossivel?? Esta mensagem destruir-se-à em 5 segundos e o governo negará qualquer conhecimento desta missão, should you choose to accept it....5, 4,3,2,1 puffffff

POR ISSO EU DEIXO AQUI UM APELO: antes de andarem ai a recrutar 007's para missões impossiveis, PELO MENOS, tentem SER FELIZES sozinhos/as e quando conseguirem apreciar a vossa companhia e torna-la na vossa companhia preferida, AI SIM, podem meter o anuncio de "parceiro para partilha de felicidade, procura-se"...ANTES DISSO... epah.... poupem-nos! NINGUEM QUER ESSA RESPONSABILIDADE IMPOSSIVEL!

E quem acha que AMOR é depender de alguem, desenga-se...amor, é caminhar com alguem...lado a lado, não é acorrentar a alma, levar ao colo e ainda ouvir o quão incompetentes somos por não conseguir o que o outro não consegue sozinho! GROW UP!

domingo, 9 de junho de 2013

Amar não é facil

Ainda hoje tinha uma mensagem com este conteúdo... "temos que nos despir, para sentir a pele do outro, mas habitualmente chegamos com muita roupa"

A minha questão é, se não é fácil, e se nos tira a paz de espírito para quê continuamos nós a tentar?!
Se viver sozinho, em solitude mas nunca em solidão, é tão confortável quanto um pijama quentinho numa noite fria de inverno, para quê nos despirmos enquanto nos perdemos a meio do caminho na busca do outro??
E se somos, em nós, o próprio universo, se contemos tudo, se vivemos serenos em paz e harmonia, porquê esta busca incessante pelo próximo??

Se é mais fácil, respirar, sorrir e aprender, quando não estamos focados na evolução de uma relação a dois, why the hell do we insiste on trying?! Really?? What's the porpuse?!

Amar é óptimo, estar apaixonado também... mas já aqui coloquei anteriormente o busílis da questão para mim.... valerá a pena sacrificar a paz de espírito por amor?

sexta-feira, 7 de junho de 2013

Esse grande magano

A mente humana é um mundo assombroso! Oscar Wilde disse que existem duas tragédias na vida. Uma é não conseguir aquilo que se deseja. A outra é consegui-lo.

quinta-feira, 30 de maio de 2013

Apoio moral não paga contas...

O mundo anda do avesso...

O que se passa???
Doi-me a alma quando recebo telefonemas a dizer " a Maria hoje não tem o que comer"...

Pessoas que conhecemos, pessoas com quem falamos diariamente... a catastrofe financeira chegou e não escolheu bairros....bate-nos à porta descaradamente... aqui, ali...inadvertidamente na porta do lado...na porta dos nossos amigos...
" A T. vai perder a casa nas proximas duas semanas... com 3 filhos..."

Tira-me o sono saber que não posso fazer nada... vejo o desespero no olhar dos meus amigos, ouço-o na voz do lado d elá do tlm.... e eu não posso fazer nada...

Estou convicta de que no fim tudo acabará bem... mas nos entretantos quem lhes dá a mão?

quinta-feira, 23 de maio de 2013

O Silencio vale ouro e a boa educação is priceless

Eu gostava de saber porque é que as pessoas com quem trabalho pensam em voz alta???


Que chatice pah!
"ah, agora aquela foi-se embora e não me deixou as chaves do carro!"
 "aquele tipo acha que sabe de historia? Tssssssssssss eu vivi a historia!"
ou ainda "não suporto o som dos elevadores aqui em cima de mim!"

SHUT THE FUCK UP!

E já agora... há algo mais annoying do que aqueles colegas que para falar têm de ficar apoiados na nossa mes a aler oq ue estamos a ler ou escrever no ecrã?!?!? Com toda a atenção ao monitor?? De tal ordem que até se esquecem do que iam dizer??? REALLY!!!??? C'mon!!! Who, THA fuck taught you good manners asshole?!

terça-feira, 21 de maio de 2013

Ali é onde mora o Amor e a Magia.

There is a house built out of stone
Wooden floors, walls and window sills...
Tables and chairs worn by all of the dust...
This is a place where I don't feel alone
This is a place where I feel at home...

 
Existe uma casa, num sitio magico onde o tempo parou há muitas decadas atrás.
Existe uma casa, numa aldeia perdida no tempo onde ainda se deixa o saco do pão na porta com uns trocos para que a carrinha do padeiro deixe o pão do pequeno almoço...
Ainda existem sitios assim, aqui, em Portugal.
Eu tive a sorte, de um dia, há 20 anos atrás e pela mão de uma pessoa extraordinaria, conhecer um sitio assim, e chegar a sentir-me em casa.
Estive dez anos sem ir "a casa", e este fim de semana, pela mão de quem tenho gravado na coração desde o ultimo post que aqui escrevi...regressei.... a paisagem estava igual, nada havia mudado. Ao sair da ultima estrada para entrar na rua da casa.... o tempo parou para mim... cumprimentei cada pinheiro e cada arbusto rua abaixo,.... cheirava a "casa"...a terra molhada e tradições perdidas nos seculos...
E apesar de todos os quid pro quo que tomaram lugar este fim de semana, o resumo, é simples e claro: eu tinha regressado a casa pela mão do Amor, literalmente e em todos os sentidos...
Há sitios magicos no mundo, aquele sitio é um deles. Um sitio de calma, paz, silencio, solitude e amor. O sitio perfeito para me despir de raciocinios logicos e me deixar embalar pela bruma de felicidade que ali paira no ar o ano inteiro....

domingo, 5 de maio de 2013

Quando batemos a porta pela manhã

O universo é uma coisa fantástica....

Nunca sabemos nada ... e realmente a vida acontece enquanto andamos entretidos na nossa ignorância a fazer planos para a dita...

Nunca se sabe quando saímos de manhã de casa para ir fazer um voluntariado e se chega a casa com alguém gravado na alma e no coração e no olhar  ...alguém com quem trocamos meia dúzia de palavras... alguém com o qual a ligação invisível era tangível ... e nunca se sabe quando o facebook pode ser útil e se consiga efectivamente chegar a casa à hora de jantar sair à meia noite e regressar forçadamente 12h de depois...

Nunca se sabe quando passamos de estado civil "desinteressada and not giving a royal fuck" ...a OMG não consigo sair deste olhar onde estive embalada 12h seguidinhas sem sequer dar conta,,,, OMG não consigo estar sem esta voz a ressoar-me na alma, nem sem este sorriso fácil e desarmante.... Simplesmente não.... consigo...

Um dia abrimos a porta e recebemos noticias chocantes e noutro intensidade...mas em todos os elementos arquitectónicos de  entrada e saída...Há sempre um tema transversal sub latente...o AMOR.

sábado, 4 de maio de 2013

Tempo é Amor

Este é um post dificil...

Há coisas na vida que por mais avisos, com a devida antecedência, que recebamos... nunca estamos efectivamente preparados para elas....

Ter o privilegio de saber de antemão o tempo que ainda nos resta para usufruir e desfrutar da companhia de outrem...é algo tão raro e precioso que não existem palavras nem números para quantificar o seu valor....

Saber que vou perder o meu pai... dá-me aquilo que todos desejamos após a partida de alguém ..TEMPO.

Tempo neste caso, traduz-se em amor....
Ter tempo para amar e dizer tudo aquilo que precisamos dizer antes que a pessoa parta... é um presente magnifico...

Mas confesso que, por muitas aspirações espirituais que tenha e por mais conhecimentos que possua....a verdade é NÃO estou preparada.... receber este deadline foi como um soco directamente na alma... seguido de um ataque de panico e de uma birra de me mandar pro chão espernear e gritar do fundo dos pulmões: NãO É JUSTO.

Pois não.... não é sinto-mpre roubada... ainda tinha tanta coisa que gostaria de fazer... e se já não for a tempo?? E se ele não compreender o que eu lhe quero dizer?? E se ele morrer sem saber o quanto o amo e o quão importante ele é pra mim?! E eu?? Quem toma conta de mim?? A quem telefonearei quando me sentir desprotegida? Sozinha? Perdida?? Ele é o meu porto de abrigo... ele é a minha segurança! E mesmo com 35 anos preciso dele tanto quanto precisava quando tinha 5 e caia da bicicleta...e se ele não souber disto???

E como é que eu lhe posso dizer isto tudo sem que ele saiba que eu sei??

quinta-feira, 2 de maio de 2013

Ser Telefonicamente Austista

Há pessoas que são casos perdidos, mas para todos os que ainda são "resgatáveis".... aqui fica: GENTE, existe uma etiqueta de comunicação telefónica implícita... não está escrita mas faz parte das regras da boa educação!!!!

Se na Era dos telefones pretos de disco giratório, ninguém telefonava a ninguém depois da hora do Vitinho, porque carga de agua é que isso mudou com a merda do tlm???!! Expliquem-me?????

Existem apenas 3 motivos legítimos para se ligar para alguém antes das 9h da manha de segunda a sexta e depois das 21:30h:
a)  quem liga está num fuso horário diferente e não fez as contas
b) está a viver-se o auge de uma historia tórrida de amor/affair
c) é um emergência (entenda-se alguém no hospital, doente, uma questão de vida ou de morte)

Não se classifica como emergência devolver-se uma chamada feita à tarde! Muito menos uma chamada de cortesia!

Eu fico sempre espantada com a falta de bom senso que impera hoje em dia mas choca-me ainda mais a falta de empatia...de pensarmos no outro antes de pensarmos o quão urgente é satisfazer uma necessidade caprichosa do nosso ego!

Dasssssssssssssss pra merda todos os cretinos que acham que podem perturbar a paz de uma pessoa às 22:30 da noite!

segunda-feira, 29 de abril de 2013

Fiel ao Sexo e a Localidade - Versão Internacional

Há momentos que são verdadeiras gemas preciosas...

Enquadramento:
Melhor amiga que não foi abrangida pela estatistica do desemprego - Graças a Deus e ao Sr Espirito Santo- prossegue com os planos da nossa viagem de sonho e embarca rumo à Indonesia para surfar.... Claro que ir em grupo nem sempre é facil e decorridos alguns dias recebo uma mensagem desconcertante a dizer que o Grupo SUCKS e então o melhor era processeguir viagem sozinha...mas estava receosa o que é compreensivel..

O meu conselho: Arma-te em Liz Gilbert ao genero comer orar e amar e descobre-te por ai! Se não sabes conduzir uma mota, ou aluga uma bike ou aluga um Javier Bardem para te conduzir! Tudo acontece por uma razão...aproveita esse paraíso...

E eu tenho a sorte de ter algumas alunas exemplares e esta foi uma lição levada à letra!

Hoje estou no meu primeiro dia de estagio num novo emprego - a fazer aquilo que sei, mas que havia jurado não voltar a fazer, area financeira - .... e recebo uma mensagem que dizia o seguinte (verbatum): I think I found my Javier Bardem. But from Austria.... my english is not good but we get along. Please write in english I need pratice...How fancy Am I? I even fuck in english now!


E eu juro-vos por tudo quanto é mais sagrado que eu amo esta mulher por isto! Só ela para me dizer uma coisa destas, num dia destes e me fazer passar por weirdo logo no primeiro dia de trabalho....enquanto me escondia atrás de um monitor a apertar o nariz para conter as gargalhadas... I almost peed my pants!

My precious!

sábado, 27 de abril de 2013

Cascais 2750 - Versão low cost

Ora novidades por estas bandas...por onde começar???

Hum.... desemprego .... com breves semanas de verdadeira tortura psicológica, resultante numa semi-psicose....

Ora em Fevereiro, toda feliz da minha vida, recebo um contacto de uma conhecida para enviar um curriculum...  para uma certa e determinada empresa, muito conhecida no seu ramos de actividade, pelo que não mencionarei nomes.... A posição disponível era de secretaria de administração/ assistente pessoal do administrador...ora, mais longe da área financeira arranjava-se com certeza, mas perto, perto, também não era...lá fui chamada para entrevista.... para que se perceba o dramático da situação, arquivei as 2h de entrevista no meu cérebro, sob a categoria de "pior entrevista de todo o sempre"...

A área era diferente, a posição e tarefas também  não acertei uma pra caixa como se costuma dizer.
Fui posta à prova e falhei, durante 2h por três homens, a quem tive repetidamente de relembrar que "não tinha qualquer conhecimento da área de negóciosm  nem sequer umas luzes a titulo de curiosidade"... às tantas, o administrador pergunta-me " se lhe mostrar uma gravura do seixal sabe identificar por certo!!!", ao que candidamente - e já que estava perdida por 100...perdida por 1000 - " se isto é um teste aos meus conhecimentos geográficos  adianto que entendo tanto de geografia quanto da vossa área de negocio...e para mim margem sul é a saída para Costa da Caparica, quando vou surfar ou então é Costa Alentejana...o que há ali pelo meio...Barreiros, Almadas e Seixais...confesso, serem... terras tão longínquas no meu imaginário, quanto as mil e uma noites no deserto com Ali Babá.... " .... e ele insiste ..." então mas lhe pedisse para ir ao Seixal como faria?!" ...."Sr! Foi para isso que Deus criou o Google Maps e os GPS!" ....

Muito se riu naquelas sala...maioritariamente acerca da minha ignorância face às questões colocadas....pelo que, nunca me passaria pela cabeça ter sido seleccionada.... lá comecei eu a minha nova vidinha...ir para Lisboa...andar de comboio (a primeira vez ao fim de mais de 10 anos também foi giro! Parecia um regresso ao futuro parte II! Desde quando é que existem leitores magnéticos !?!?!?! Eu parecia que vinha da província !!! Mas isso dá um post por si só!), andar a pé no centro da cidade... e eu toda cheia de motivação, pronta para uma nova fase...até que comecei a perceber que a nova fase incluía  ser assistente pessoal da esposa que by the way era dondoca, das filhas e sobretudo ama seca dele... literalmente...mas até ai eu ainda poderia engolir e seguir...o pior foram os dias que começavam às 9:30h e terminavam à meia noite ...que me haviam dito "um dia por mês trabalha-se até mais tarde e no fim do ano é compensado com uma semana de ferias adicionais entre o natal e o ano novo".... que rapidamente se transformaram em semanas, a custo zero e depois ainda me disseram " nós dissemos que antigamente dávamos uma semana compensatória agora é um esforço colectivo que a empresa faz!" (leia-se, são semanas de 70 horas a custo de 40h que o patrão já nem agradece e porque se tornaram obrigatórias ..e incluem Domingos!) e eu adoro o diz que disse como sabem... Ora nesta  economia pensei para comigo...Miss smartie pants.... você cala-se em consentimento que os tempos estão duros...
Depois começaram os abusos mas o que me fez sair dali a chorar compulsivamente tal e qual criança de 5 anos após um bracinho partido...all the way do cais do sodré até à porta de casa vários dias consecutivos ... foi o pedantismo, a total desconexão -and all around not giving a shit - à realidade ... o completo desconhecimento da palavra humanitarismo, e o usarem e abusarem da vida e necessidade de trabalho de uma pessoa...
Um tipo que pode ter todo o mérito do mundo e certamente o terá, enquanto referencia na sua área  .. enquanto ser humano...uma nulidade...uma execrável desculpa de ser humano... um tipo que desconectado da realidade, humilha e escraviza diariamente os seus subservientes, considerando-se uma sumidade em humildade e um benfeitor defensor das nobres causas....

O meu problema era sair dali com uma mão à frente e outras atrás...e digo-vos que quem aprendeu uma grande lição de humildade a custo de um quase esgotamento nervoso foi aqui a Je... que teve de decidir entre sanidade mental e orgulho...e no dia seguinte estava a servir à mesa num restaurante aqui no Bairro e a ouvir coisas do género "pois...servir à mesa com a sua idade....coitada não quis estudar não?".... e ter de tomar uma split second decision entre responder à letra ou simplesmente entornar um café pela calça abaixo enquanto retorquía  "sabe é que é o meu primeiro dia....eu sou consultora financeira de profissão....é a crise...peço-lhe imensa desculpa! ...you son of a bitch! "

E os últimos meses têm sido difíceis ..duras lições de vida, de humildade e humanidade... MAS ver o mundo por outros olhos deu-me perspectiva.... e fez-me tomar algumas decisões importantes... nomeadamente, dar importância às pessoas e não às coisas, passar o máximo de tempo possível com quem vale a pena e merece e descartar a poluição humanoide que me circundava...limpei a casa e sinto-me mais leve.... deixei de ir ao shopping, comprar coisas desnecessárias e passei a ir ao mar pensar e surfar.
Vejo a vida... não posso dizer mais clara, porque o futuro é uma incógnita,  mas posso dizer mais confiante porque sei que posso viver sem muito dinheiro, mas não posso viver sem valores e sem as pessoas que amo. Posso viver sem jantaradas e resorts mas não posso viver sem conselhos sábios e sem a minha família ao meu lado. Posso viver com o julgamento dos outros mas não posso viver em ilusões e aparências...

E seja o que for que me esteja reservado, acima de tudo, sei agora, que apenas posso viver fazendo algo que me deixe feliz rodeada de pessoas de boa índole ..e tudo o resto é lucro ou lixo.... dependendo da perspectiva...

O bom de perder tudo...é que deixamos de ter algo a perder...

The return

Voltei....

Seis meses mais tarde, regressei ao meu blog, que nos entretantos chegou mesmo a ser encerrado ao publico... porque apesar de ser um blog anónimo ..tenho pessoas da vida real que sabem que sou eu a Miss Carrie Bradshaw AKA Miss Smartie Pants...e como só eu tenho apetência para coisas verdadeiramente surreais, recebi umas ameaças via tlm, que julguei terem sido originadas por informações aqui contidas...
Meses mais tarde julgo ter desvendado o mistério dessas ameaças, por dedução empírica e porque, infelizmente (com GRANDE pena minha) um dos meus melhores amigos me excluiu do face e me pediu que não o voltasse a contactar...é verdade isto é verídico  Eu serei possivelmente a unica mulher mais perto dos quarenta do que dos trinta cujos amigos mais perto dos 50 que dos 30...pedem corte e afastamento para satisfazer as neuroses das esposas maníacas...ou melhor ...deranged (que tem muito mais drama!)...
Assim, como este singelo blog não foi o motivo da ameaça...voltei  a coloca-lo online....

Novidades? Ora bem...esse post fica para amanha que hoje é tardíssimo e eu sou uma morning girl!

Lovelly, but not for me!

Lovelly, but not for me!