segunda-feira, 14 de outubro de 2013

The King is dead, long live the King

... Este fim de semana a proposito do circuito mundial de surf, anda ai um burburinho que sinceramente... me deixa triste... Portugal & os portugueses apenas falam do orgulho "Tuga"... que o "nosso" Kikas Morais venceu o "estrangeiro" e 11 vezes campeão do mundo Kelly Slater...

Eu sinceramente fico triste... entristece-me que ninguem compreenda o que está por detrás desta derrota ou desta vitoria dependendo da perspectiva...

Era inevitavel que o Kelly Slater fosse derrubado, afinal, tem 40 anos, 3/4 da vida a surfar e a competir... e concorre com miudos de 18 anos... a lei da vida é cruel... o que me espanta é que ninguem consegue compreender que o Kelly é uma inspiração... inspira todos nós com idade para ter juizo, mas que continuamos, lesão após lesão a  entrar na agua por amor ao mar e a esquecer ou fingir esquecer a idade biologica que temos... o Kelly era o expoente maximo da ideia de que ter 40 anos não quer dizer menos bom, acabado, gasto, sem validade...pelo contrário...o Kelly foi 11 vezes campeão do mundo, reinventou-se ano após ano, trabalhou e foi-se superando a ele e a todos os seus concorrentes... e muitas vezes se reclamou de juizes pouco objectivos e isentos...mas porra  que mal haverá em atribuir 0,25 pontos a mais numa qualquer onda, mais que não seja pelo esforço dedicação e preserverança sem limites!? Isso não vale nada? A força psicologica não faz o atleta?

É um acto estoico competir contra miudos com menos de metade da sua idade, fisicamente e psiquicamente invenciveis, num desporto que sofreu desenvolvimentos tecnicistas consecutivos ao longo dos anos...esquecem-se que a primeira vez que o Kelly foi campeão, o auge da sofisticação era fazer um tudo, hoje o surf é aereo...o surf que o Kelly praticava há 20 anos, hoje está desactualizado, é "old school"... por isso ele não só se reeinventou e se rejuvenesceu como teve de se adaptar a um surf aereo e tecnico e concorrer com prodigios que nasceram com uma prancha nos pés a fazer aereos reverse 360º...

Eu como adepta do desporto, hoje sinto-me triste, não porque um português ganhou, mas porque o rei perdeu...

O Kikas Morais é um grande atleta e uma grande promessa.. existem 3 atletas, neste momento... 3 promessas nacionais a carreiras mundiais de surf e ele é um deles, sim.. mas se sinto orgulho por ele ter ganho ao Kelly... não, nenhum... valida-o enquanto atleta, sim, mas ele já era reconhecido..o que fará ao seu ego vou abster-me de comentar...

O que eu sei é que a chama de que a juventude é eterna se apagou...e isso sim... é para mim mais importante que um surfista portugues ter ganho ao Kelly Slater... hoje caiu um mito... o mito da juventude, da destreza, simbolo da capacidade de reinvenção e adaptação do ser humano...

Sem comentários:

Enviar um comentário

Lovelly, but not for me!

Lovelly, but not for me!